SÁBADO, 01-08-2015, ANO 16, N.º 5663
Autoridades camaronesas expulsam dois mil cidadãos da Nigéria do país
Camarões Como medida de segurança, o governo camaronês decidiu emitir uma ordem de expulsão a dois mil cidadãos nigerianos em situação irregular. Para as autoridades, estas medidas têm como objetivo prevenir a perpetração de atentados do grupo islamita nigeriano Boko Haram. Segundo o jornal regional L`Oeil du Sahel, «cerca de 2.500 nigerianos ilegais foram expulsos de Kousseri», região localizada no norte do país, junto à área fronteiriça com a Nigéria. No entanto, a diretriz de uma organização não-governamental criticou a decisão, explicando que a maioria dos deportados são pessoas que fugiram do Boko Haram.
Taiwan condecora ministro dos Negócios Estrangeiros
São Tomé e Príncipe O ministro são-tomense dos Negócios Estrangeiros, Manuel Salvado dos Ramos, foi condecorado, esta sexta-feira, pelo homólogo de Taiwan, David Lin, com a Ordem da Estrela Brilhante. O chefe da diplomacia taiwanesa explicou que a medalha é um reconhecimento pelas relações que os dois países mantêm desde 1997, passo para que Manuel Salvado dos Ramos contribuiu pessoalmente. Recorde-se que São Tomé e Príncipe é um dos únicos 22 países no mundo que reconhecem oficialemente Taiwan.
Dia da Mulher Africana assinalado na Cidade da Praia
Cabo Verde Cabo Verde assinalou, esta sexta-feira, o Dia da Mulher Africana, com uma conferência com o tema de « Género, Mudanças Climáticas e Segurança Alimentar». A iniciativa da Renascença Africana - Associação das Mulheres da África Ocidental reuniu, na Cidade da Praia, peritos, responsáveis do governo e representantes de várias associações para pensar o futuro das mulheres do arquipélago. No centro do debate, esteve o impacto que as transformações climáticas e na alimentação podem significar para as mulheres cabo-verdianas.
Vacina contra o sarampo chega a 97% das crianças de Bafatá
Guiné-Bissau Mais de 28.500 crianças da região de Bafatá, na Guiné-Bissau receberam, em julho, a vacina contra o sarampo, noticia, esta sexta-feira a organização não-governamental Médicos Sem Fronteiras, que colaborou com o Ministério da Saúde para chegar a 97% das crianças da região. Após uma primeira campanha de vacinação em março, com oito mil vacinados, o governo optou, em dezembro, pelo alargamento ao universo de todas as crianças entre os seis meses e os cinco anos, quando foi declarada uma epidemia. Altamente contagioso, o sarampo é uma doença viral que, em condições desfavoráveis, pode acarretar consequências de saúde graves, podendo significar, nalguns casos, a morte.
Federação condena violência e lembra consequências internacionais
Angola O presidente da Federação Angolana de Futebol (FAF), Pedro de Morais Neto, condenou, esta sexta-feira, os atos de violência que protagonizaram, no domingo passado, a partida, em Benguela, do Académica do Lobito contra o Kabuscorp do Palanca e que se saldaram com a morte de um adepto. Antecipando os dérbis que, este fim de semana, têm lugar em Luanda, entre o Petro e o ASA, e entre o Kabuscorp e o 1.º de Agosto, Pedro de Morais Neto pediu, numa missiva aos adeptos, que se respeitem as regras do futebol e recordou que a violência e o vandalismo são «prejudiciais» para a posição de Angola junto das instâncias desportivas internacionais. «Os atos de vandalismo são prejudiciais e podem ter consequências muito negativas junto das instâncias internacionais, nomeadamente na CAF [Confederação Africana de Futebol] e na FIFA, portanto apelamos ao fair play», pode ler-se na mensagem do presidente. «Os maus comportamentos, os erros e as falhas objetivas e subjetivas dos árbitros, dos jogadores, dos treinadores e dos dirigentes serão tratados em fóruns próprios e não são da responsabilidade dos adeptos, simpatizantes e claques organizadas dos clubes intervenientes», recorda Pedro de Morais Neto.
Quatro alunos feridos em Nampula já tiveram alta
Moçambique Quatro dos cinco alunos que, esta quarta-feira, ficaram gravemente feridos, na Escola Secundária de Nampula, no norte de Moçambique, já tiveram alta e um quinto permanece internado sob observação médica, mas livre de perigo. Recorde-se que o acidente ocorreu na sequência e um curto-circuito no quadro elétrico do estabelecimento escolar, que lançou o pânico entre os mais de três mil estudantes, que se atropelaram numa fuga descontrolada.
Primeiro-ministro analisa desafios e progressos do país
Cabo Verde O chefe do executivo cabo-verdiano, José Maria Neves, elogiou, esta sexta-feira, os «progressos significativos» alcançados pelo arquipélago, admitindo, contudo, «importantes desafios e condicionalismos». José Maria Neves, que se dirigia ao parlamento no âmbito do debate do Estado da Nação, explicou que «o país fez progressos significativos, permitindo-nos doravante ir mais depressa e com maior segurança, acelerar o ritmo nos próximos tempos. O país está num outro patamar». Por outro lado, o primeiro-ministro destacou, como «desafios importantes», as desigualdades sociais, o desemprego, e a ineficaz gestão financeira, apelando, neste sentido à «despartidarização da administração pública». Já os deputados da oposição fazem uma leitura diferente da situação do arquipélago. Fernando Elísio Freire, líder do Movimento para a Democracia, considera que «a nação vive um dos momentos mais difíceis da sua caminhada. Vive em estado de emergência no mundo rural e numa situação de degradação económica, social e institucional». Por outro lado, o líder da União Cabo-verdiana, Independente e Democrática, António Monteiro, considerou que a economia nacional está «moribunda», que as instituições vivem «em pé de guerra» e insegurança é «uma constante».
Taxa de desemprego nos 76%
São Tomé e Príncipe Só 23% dos são-tomenses tem emprego, revela um estudo divulgado, esta sexta-feira, pelo governo do arquipélago e elaborado com a colaboração da Organização do Trabalho. Em declarações à Imprensa, o ministro do Emprego e Assuntos Sociais, Carlos Gomes, contextualizou os números com a «natureza precária do emprego e a informalização da economia em São Tomé e Príncipe» e garantiu que o executivo, que elegeu o combate ao desemprego como eixo fundamental da ação governativa, tem um plano para inverter a situação. Carlos Gomes explicou que a estratégia do governo para a criação de emprego tem como pilares fundamentais a reforma do setor público, a promoção da iniciativa privada e um programa-piloto para a formação e integração profissional da juventude.
Banco Africano para o Desenvolvimento financia nova rede elétrica
Guiné-Bissau O Banco Africano para o Desenvolvimento (BAD) anunciou, esta sexta-feira, que vai financiar, na íntegra, a reconstrução da rede elétrica de Bissau. O investimento de 16,7 milhões de euros, nove dos quais emprestados ao Estado, vai permitir a substituição de mais de 300 quilómetros de cabos e a instalação de 18 mil contadores de consumo pré-pago. «Só 20% dos residentes na capital têm acesso a eletricidade», diz a instituição internacional em comunicado, explicando que, para inverter esta situação, construir uma linha de 30 quilómetros de alta tensão e três postos de transformação elétrica. De acordo com o BAD, o projeto vai permitir reduzir o número de apagões diários na capital de vinte para duas falhas.
Sete candidatos à pesquisa de gás
Moçambique Sete grupos internacionais responderam ao concurso do governo de Moçambique para o quinto concurso de pesquisa e produção de hidrocarbonetos, anunciou, esta sexta-feira, o Instituto Nacional de Petróleos. Em comunicado, a petrolífera nacional anunciou que na corrida a 15 reservas, com mais de 74.402 quilómetros quadrados, de norte a sul do país, estão as companhias Total (França), Eni (Itália), ExxonMobil (EUA), Troisade e Delonex (ambas de Inglaterra), Rosneft (Rússia) e Sasol (África do Sul).
Entrou em vigor o novo modelo de recolha de resíduos em Luanda
Angola Desde esta sexta-feira que a capital angolana tem um novo modelo de recolha de resíduos, que pretende controlar e regular a forma como operam as empresas de limpeza e saneamento. A nova lei determina que os serviços de limpeza e recolha de resíduos urbanos são competências do município e prevê que a capital estabeleça contratos com empresas privadas devidamente licenciadas. «As empresas que não estiverem registadas e licenciadas e forem encontradas a prestar serviço de limpeza urbana e recolha de resíduos serão penalizadas», explicou o administrador executivo da Agência Nacional de Resíduos, Fulgêncio Pegado.

classificações

Angola - Girabola
Moçambique - Moçambola
18. ª jornada
19. ª jornada
classificação
16. ª jornada
17. ª jornada
classificação
31-07
Bravos Maquis
-
Interclube
31-07
Petro Luanda
-
ASA
31-07
Sporting Cabinda
-
Progresso Lunda
31-07
Sag. Esperança
-
Benfica Luanda
31-07
Progresso
-
Rec. Caála
31-07
Domant Bengo
-
Rec. Libolo
31-07
Desp. Huíla
-
Ac. Lobito
31-07
Kabuscorp
-
1º de Agosto
ENH Vilankulo
-
Fer. Maputo
Fer. Nacala
-
Fer. Beira
Maxaquene
-
Costa do Sol
Fer. Quelimane
-
1° Maio Quelimane
Fer. Nampula
-
HCB Songo
Liga Muçulmana
-
Desp. Maputo
Chibuto FC
-
CD Nacala
J
V
E
D
G
P
1
Rec. Libolo
18
11
6
1
32-14
39
2
Benfica Luanda
18
9
8
1
22-9
35
3
Kabuscorp
18
7
9
2
22-16
30
4
Interclube
18
7
8
3
24-14
29
5
Progresso Lunda
18
7
7
4
21-17
28
6
1º de Agosto
17
7
6
4
25-14
27
7
Petro Luanda
18
7
5
6
17-17
26
8
Progresso
18
6
5
7
22-23
23
9
ASA
18
5
6
7
17-23
21
10
Sag. Esperança
18
5
5
8
13-20
20
11
Bravos Maquis
17
5
4
8
19-24
19
12
Sporting Cabinda
18
5
4
9
18-30
19
13
Ac. Lobito
18
5
3
10
21-23
18
14
Desp. Huíla
18
4
6
8
14-23
18
15
Rec. Caála
18
2
11
5
11-13
17
16
Domant Bengo
18
4
1
13
17-35
13
J
V
E
D
G
P
1
Maxaquene
15
8
4
3
13-6
28
2
Costa do Sol
15
8
4
3
17-8
28
3
Fer. Nacala
15
7
4
4
12-7
25
4
Liga Muçulmana
15
6
5
4
14-8
23
5
Fer. Maputo
15
6
5
4
21-12
23
6
1° Maio Quelimane
15
4
8
3
11-12
20
7
ENH Vilankulo
15
5
5
5
11-15
20
8
Fer. Nampula
15
5
4
6
9-12
19
9
Fer. Beira
15
5
3
7
13-15
18
10
CD Nacala
15
4
6
5
9-16
18
11
Desp. Maputo
16
4
6
6
8-13
18
12
HCB Songo
15
4
5
6
8-10
17
13
Chibuto FC
16
3
6
7
11-13
15
14
Fer. Quelimane
15
2
5
8
6-16
11