TERÇA-FEIRA, 24-01-2017, ANO 17, N.º 6205
Serena e Konta por lugar na história
Serena Williams e a britânica Johanna Konta protagonizam uma das interessantes batalhas dos quartos de final femininos do Open da Austrália. Embora o favoritismo recaia inevitavelmente para a norte-americana, pelo n.º 2 que ocupa o ranking, pelos seis títulos de singulares no Melbourne Park, já para não falar dos outros quatro em pares, a verdade é que nunca se sabe que surpresa esperar da 9.ª classificada da hierarquia mundial neste duelo inédito. Uma década mais nova do que Serena, a britânica, de 25 anos, chega aos quartos de final australianos pela segunda edição consecutiva e, agora, com oito vitórias seguidas – sagrou-se campeã do torneio de Sydney antes de rumar ao Grand Slam inaugural de 2017. Com 18 sets ganhos, Konta, que venceu Ekaterina Makarova na 4.ª ronda, só viu o serviço quebrado duas vezes este ano. Apesar destes registos notáveis de Konta, não se pode esquecer que, do outro lado da rede, vai encontrar uma Serena Williams muito mais experiente – soma 71 títulos em singulares – e com motivação extra. Não só pode regressar ao topo do ranking, dado o desaire precoce da campeã e líder mundial, Angelique Kerber, como pode tornar-se na jogadora com mais troféus do Grand Slam da história. Em caso de vitória, a mais nova das Williams desvincula-se de Steffi Graf com quem partilha o recorde de 22 títulos dos grandes.
As cotas, horas e dias dos eventos podem mudar durante o período de aceitação das apostas. Verifique sempre o recibo da aposta no momento do registo.