«Três pontos não resolvem a nossa situação, mas ajudam» - Couceiro

Vitória de Setúbal 03-01-2018 13:36
Por Ana Soares
O treinador do Vitória de Setúbal fez a antevisão ao duelo desta quinta-feira (18.15 horas) com o Estoril, partida da 16.ª jornada da Liga que coloca frente a frente os dois últimos classificados do campeonato.

«A classificação não reflete a qualidade das equipas. É importante sair da posição em que estamos. Ainda não podemos falar em finais e três pontos não resolvem a nossa situação, mas ajudam muito», disse José Couceiro em conferência de imprensa, assumindo que a equipa parte para este desafio com um extra de confiança face à vitória sobre o SC Braga e empate com o Benfica.

«Os resultados sabem sempre bem, sobretudo contra equipas fortes são moralizadores. É um indicador da nossa capacidade para fazer melhor», acrescentou o técnico dos sadinos, que pediu a presença dos adeptos no Bonfim.

Entretanto, a direção do clube decidiu abrir as portas do estádio, sendo necessário levantar antecipadamente um bilhete sem custos. Os adeptos que já adquiriram bilhete serão ressarcidos mediante a apresentação do respetivo ingresso.

José Couceiro aproveitou, também, para criticar com ironia a forma como a imprensa tratou o triunfo do Vitória no Grupo A da Taça da Liga. «Bem que sei que – pelo que li na imprensa – nós não ganhámos o grupo, foi o Benfica que o perdeu. Mas isso é uma outra questão. O Porto ganhou o seu grupo, o Sporting ganhou o seu, a Oliveirense, muito bem, ganhou o seu grupo e o Vitória de Setúbal beneficiou de o Benfica ter perdido o grupo. É uma forma de abordar...», ironizou, referindo ainda que o encontro frente à Oliveirense ainda vem longe (entre 23 e 27 de janeiro), por isso ainda não está no seu pensamento: «A Oliveirense conseguiu o apuramento com muito mérito. Numa meia-final é 50-50 e vai merecer de nós toda a atenção.»

Ler Mais
Comentários (0)

Últimas Notícias

ATENÇÃO: Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais