SAD resiste a ataques por Mitroglou e Jiménez

Benfica 30-08-2017 11:08
Por Nuno Paralvas
Com a contratação do lateral-direito Douglas, o Benfica tem o plantel fechado. Essa é a decisão de Luís Filipe Vieira, que, segundo A BOLA, não está disponível para negociar os principais jogadores do plantel, entre os quais Kostas Mitroglou e Raúl Jiménez. Os dois avançados têm clubes interessados mas só uma oferta louca levaria o presidente dos encarnados a considerar saídas. A prioridade é a conquista do pentacampeonato.

Sem interesse em fragilizar a equipa, perdendo algumas estrelas, o Benfica fecha as portas às partidas. É dado como certo na Luz que mais negócios podem esperar, até porque as transferências de Ederson, Nélson Semedo e Victor Lindelof permitem aos encarnados encarar a época sem sobressaltos financeiros. Dessa forma, não estão previstas mais vendas. Apesar de haver clubes ainda com esperança em contratar Mitroglou e Jiménez.

Os dois avançados estão nas respetivas seleções à espera de novidades que não devem surgir. A BOLA sabe que hoje serão apresentadas algumas ofertas, de valores consideráveis e de bons clubes, por Mitroglou, mas que dificilmente levarão Vieira a mudar de opinião. O internacional helénico, titular nas duas últimas épocas na Luz, enfrenta, agora, concorrência ainda maior com a chegada de Haris Seferovic - sente-se bem na Luz mas também consideraria uma mudança onde o lugar estivesse mais garantido e, até, pudesse ganhar mais. Ontem, em França, circularam rumores de que o avançado teria sido sugerido ao Marselha (interessado em Aboubakar) por €25 milhões.

Já Raúl Jiménez quer jogar mais e enfrenta dificuldades para se impor. O Everton interessou-se pelo avançado mexicano, mas explorou outras opções. A verdade é que Ronald Koeman continua à espera de um avançado - ontem a Imprensa inglesa noticiou que o Cardiff, do Championship, recusou oferta da equipa de Liverpool pelo dinamarquês Kenneth Zohore, 23 anos. O mexicano surge, novamente, como uma das opções do Everton. E nas próximas horas os ingleses podem voltar à carga. A China pode ser solução - apesar de o mercado de transferências ter fechado, o Guangzhou Evergrande pode estar interessado em fazer já negócio.
Ler Mais
Comentários (13)

Últimas Notícias

ATENÇÃO: Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais