«Jogar com Yorke foi como conhecer uma mulher e apaixonar-me» - Andy Cole

Manchester United 07-10-2017 17:27
Por Redação
Lembra-se da infernal dupla formada pelo tobaguenho Dwight Yorke e pelo inglês Andy Cole na frente de ataque do Manchester United no final da década de 90? Em entrevista à publicação Four Four Two, Andy Cole recordou a fantástica química que existia entre ambos... dentro do relvado.

«Adorava o Yorke mas tínhamos personalidades completamente diferentes. Ele era mais do estilo "olhem para mim, jogo no Manchester United, tenho uma mulher fabulosa e um grande carro". Eu sou o contrário! Nessa altura comprei um Porsche e demorei dois meses até conseguir conduzi-lo porque sou muito consciente.

- Jogar com ele foi como conhecer uma mulher especial e apaixonar-me. Tudo nos saía bem, nunca houve uma zanga... Bastava um olhar para nos entendermos quando algo corria menos bem. Toda a Europa falava de nós e diziam que parar o Cole e o Yorke significava parar todo o Manchester United. Mas não conseguiam! A nossa confiança era avassaladora, ninguém sabia como nos marcar, adaptávamos o nosso jogo ao adversário. Se um não marcasse, marcava o outro», vincou o antigo jogador.

Em conjunto, Cole e Yorke, que faziam parte da equipa que em 1999 conquistou o famoso treble com Sir Alex Ferguson, apontaram um total de 183 golos com a camisola dos red devils.

Ler Mais
Comentários (5)

Últimas Notícias

ATENÇÃO: Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais