Trump põe fim a planeamento familiar gratuito

ESTADOS UNIDOS 06-10-17 8:31
Por Redação

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, revogou o decreto (pertencente ao Obamacare) do seu antecessor Barack Obama, que obrigava empregadores e companhias de seguros a fornecer cobertura gratuita para o planeamento familiar às mulheres.

A partir de agora, segundo a BBC, tanto os empregadores como as seguradoras podem optar por não o fazer, evocando as suas «crenças religiosas» ou «convicções morais», cumprindo-se assim a promessa eleitoral de Trump. A cadeia noticiosa refere, ainda, que 55 milhões de mulheres serão afetadas por esta nova regra, que não caiu bem junto dos ativistas.

«Devemos ter espaço para as organizações viverem de acordo com as suas ideias religiosas sem enfrentarem discriminação», disse fonte do Departamento de Saúde norte-americano à BBC.