Comité Olímpico do Brasil suspenso após investigação ao presidente

JOGOS OLÍMPICOS 06-10-17 3:37
Por Redação

O Comité Olímpico Internacional suspendeu esta sexta-feira provisoriamente o Comité Olímpico do Brasil na sequência das investigações ao atual presidente Carlos Nuzman, que foi também afastado de todas as suas funções do COI.

O COI explica que o COB não receberá qualquer verba, nem está autorizado a exercer os seus direitos como membro das associações dos Comités Nacionais Olímpicos.

No entanto, refere que a «decisão não terá qualquer impacto na participação de atletas brasileiros em competições internacionais».

Em comunicado, o organismo explica que «aceitará a inscrição da delegação brasileira nos Jogos Olímpicos de Inverno Pyeongchang2018 e em todas as outras competições para as quais o COB seria convidado».