Consumidores denunciam venda de produtos fora do prazo de validade

Guiné-Bissau 30-10-2017 22:07
Por Redação
A Associação de Defesa do Consumidor (Acobes) garante que existem produtos fora do prazo (ou sem indicações de prazo de validade) a serem comercializados no mercado guineense, sobretudo na capital Bissau.

Bambo Sanhá, secretário-geral da Acobes, pediu, por isso, a intervenção urgente do governo sob pena de a situação «ganhar graves contornos ao nível dos prejuízos da saúde pública».

Em declarações ao site RFI, o responsável deu como exemplos a venda de farinha de trigo e manteiga, produtos que assegurou estarem a ser vendidos «fora do prazo para consumo humano».

Segundo Bambo Sanhá, vários estabelecimentos comerciais em Bissau estão a receber de volta alguns dos produtos que venderam.

Fonte do ministério da Saúde Pública, assegurou à RFI a existência de relatos de produtos fora do prazo «que estão à venda».

Segundo a mesma fonte, em caso de apreensão desses produtos, «o Ministério da Saúde Pública aconselhará imediatamente a sua incineração para evitar que sejam novamente apropriados pela população, caso fossem deitados ao lixo».
Ler Mais

Últimas Notícias

ATENÇÃO: Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais